DepilaçãoFazer depilação é mais do que um ritual de beleza para as mulheres, é uma questão de higiene. E no verão, todas elas querem estar livre dos pelos na hora de exibir o corpo no biquíni preferido na praia ou na piscina. Mas antes de pegar a cera quente e sair arrancando os pelos da sua cliente, é importante tomar conhecimento de alguns detalhes sobre o processo da depilação. O Portal Cabeleireiros.com entrevistou o esteticista Orlando Sanches, da clínica Pós-Op e levantou as principais questões sobre a remoção de pelos nesta época do ano.

Portal Cabeleireiros.com
: Quem vai viajar pra a praia deve ter algum cuidado especial na hora de fazer a depilação dias antes de ir para a praia ou piscina?
Orlando Sanches: O único cuidado deve ser o prazo mínimo que antecede a viagem, ou seja, normalmente sugere-se que a depilação, independentemente da metodologia, seja realizada com uma semana de antecedência à exposição solar, pois se a pele ainda estiver sensibilizada pelo procedimento, isso pode causar manchas.

Portal: Qual técnica de depilação é mais indicada para quem vai viajar?
Orlando: Não existe uma técnica específica para quem vai viajar. Orienta-se que normalmente o paciente realize a mesma técnica que já está acostumado.

Portal: Deve-se tomar algum tipo de cuidado especial com o sol nos dias que se seguem à depilação?
Orlando: O cuidado básico é não tomar sol antes de uma semana após a depilação e, mesmo assim, se houver regiões ainda avermelhadas ou com pequenas foliculites (inflamações nos folículos que nascem os pelos) sugere-se o uso de bloqueador solar sobre essas regiões.

Portal: E o descolorimento de pelos? É uma opção válida quando os pelos começam a crescer e não se tem tempo/disponibilidade de voltar ao salão? Quais cuidados devem ser tomados na hora de fazer isso?
Orlando: A descoloração ou o “banho de lua” pode ser realizado como alternativa à depilação. No entanto, vale lembrar que este é um procedimento que deve ser realizado por um profissional capacitado, caso contrário a pele poderá ficar sensibilizada e manchar durante a exposição solar. Reforçando, não é sugerido que o clareamento dos pelos seja realizado domesticamente, porém caso a cliente insista em fazer isso por falta de tempo em voltar ao salão para manutenção da depilação, alguns cuidados devem salientados: não se deve aplicar produtos sobre regiões sensibilizadas, nem sobre áreas íntimas; não se deve ficar exposto ao sol para “acelerar” o processo; o produto deve ser completamente removido com água e sabonete, e deve-se aplicar um bom hidratante logo em seguida.

Portal: Há algum problema em fazer depilação a laser no verão? Alguma recomendação especial?
Orlando: Sim, existe. A maioria dos equipamentos não foram desenvolvidos para atuar sobre peles bronzeadas ou mesmo nas peles negras. O uso de equipamento inadequado pode causar queimaduras graves e despigmentação da pele (manchas brancas). Só existe um equipamento no mercado que pode ser utilizado nesses casos: o Cool Glide, que foi desenvolvido justamente para poder atuar nessas situações. Esse equipamento foi desenvolvido sob uma engenharia que respeita a cor da pele e não provoca queimaduras ou lesões na pele.