Como usar a aromaterapia no tratamento de dores
A 6ª Jornada Técnica de Massoterapia foi aberta pelo Coordenador Técnico, Erick Schulz, que deu boas-vindas aos profissionais e enfatizou a importância e o sucesso da jornada, que pela primeira vez teve seus ingressos esgotados um mês antes. “Foi um excelente trabalho de toda equipe, profissionalismo dos palestrantes e confiança de todos os participantes em nós”, comenta Erick.

Há três anos à frente da coordenação, Erick se orgulha do crescimento da Jornada de Massoterapia. “As empresas ligadas a massoterapias estão se interessando mais em divulgar seus produtos no evento. Além de beleza e estética, levamos a todos bem-estar”.

O coordenador técnico lembra que a cada ano uma terapia se destaca durante a jornada. “Na quarta edição o Ayurveda estava em alta, ano passado a digitopuntura foi o grande sucesso e creio que este ano a programação de palestras bem distintas levarão o público a ter mais interesses por trabalhos diferentes e não tão conhecidos. A cada ano o público de profissionais e usuários das terapias conhecidas como complementares procuram mais e mais a massoterapia, fruto das novas pesquisas mensalmente divulgadas e é isso que também estamos trazendo ao evento”, acrescenta Erick.

A psicóloga, Sâmia Maluf, especializada em aromaterapia e aromacologia, abriu o ciclo de palestras da jornada, com o tema “Aromaterapia no tratamento de dores”. A psicóloga explicou que a aromaterapia traz benefícios físico, mental e espiritual às pessoas. “Os óleos essenciais, além de aroma agradável, proporcionam uma terapêutica para o tratamento de dores. Eles auxiliam no tratamento, relaxando fisicamente e emocionalmente, além de ajudar na redução do estresse. A aromaterapia científica pode ser utilizada sem contraindicações ”, disse.

Sâmia também enfatizou que para cada tipo de doença existem alguns óleos mais indicados, porém é importante tratar a pessoa como um todo, e explicar que exercícios e uma boa alimentação são fundamentais.  “Para artrite e reumatismo, indicamos óleos de cedro, cipreste, eucalipto, junípero, limão e outros; no tratamento da bursite os mais indicados são lavanda, hortelã pimenta e nos moscada”, disse.