cuidados pos inverno

Depois de alguns dias na praia, é bastante comum a pele ficar áspera, apresentar um aspecto de sujeira, além de aumentar a quantidade de manchas, sardas e cravos. A dermatologista Annia Cordeiro Lourenço explica que isso acontece devido ao uso intenso de filtro solar e outros cosméticos. “Os produtos fechm os poros e deixam a pele mais oleosa. Com isso, é comum aumentar a incidência de acne. O resultado é uma pele mais áspera e com aspecto desagradável.”

Outra queixa recorrente é o aparecimento de sardas e manchas, principalmente, na região do colo, dos ombros e do rosto. “Essa variação de pigmentação da pele é resultado da exposição ao sol. As sardas tendem a ficar mais escuras e a clarear após a temporada, sendo que o processo pode ser acelerado com alguns tratamentos estéticos”, comenta Annia.

Em relação às manchas, a especialista observa que elas podem ser causadas pelo uso inadequado do protetor solar. “É comum as pessoas passarem o filtro com pressa, sem uniformidade e se esquecendo de alguns locais. Assim, a pele escurece apenas onde não havia produto”, explica. Entretanto, ela alerta que mesmo com o filtro solar usado de maneira correta, as manchas podem aparecer, seja porque a proteção não foi suficiente ou porque há a tendência genética do paciente.

“É fundamental buscar um especialista para avaliar se as manchas podem ser sinal de alguma doença mais grave, como o câncer de pele.” Mesmo que o caso não seja tão grave, quanto antes o dermatologista for procurado, maiores são as chances de recuperar a derme.

E não é preciso esperar o final do verão para buscar ajuda. No consultório, são realizados peelings e limpeza de pele que ajudam a abrir os cistos em que há retenção sebácea ou de células mortas, ajudando a recuperar o aspecto saudável da pele. Para as manchas, é possível utilizar técnicas com laser ou luz pulsada. “Quem ainda não começou o tratamento pode amenizar o quadro usando esfoliantes durante o banho e hidratando a pele com séruns ou loções leves, para evitar a oleosidade”, orienta Annia.

Mais informações

www.annia.med.br

Confira também:

Acne solar: descubra como tratar e prevenir