Phil Smith privilegia o uso do branco e do vermelho nos cabelos da coleção British

A decisão de fazer uma coleção focada em um tipo de cabelo, uma cor ou um estilo é muito pessoal. Cada hairstylist tem sua visão e uma intenção ao criar um trabalho. Mas quando este dedica-se a abordar um leque maior de propostas o resultado fatalmente impressiona um pouco mais pelo poder de versatilidade do artista e até pela ousadia dedicada a cada modelo.

O britânico Phil Smith fez isso em British, sua mais recente coleção. Visitando texturas e comprimentos diversos, o hairstylist destacou nos cabelos tons de vermelho, do alaranjado ao borgonha, sempre de uma forma moderna e equilibrada, fugindo dos extremos de conservadorismo e ousadia. Em finíssimas mechas, a cor também se fez presente em um look loiro quase branco, assimétrico na franja e bem arredondado na forma.

Falando em branco, a cor também apareceu em uma produção vanguardista, onde os cabelos do topo, bem compridos, contrapõem os raspados das laterais e em outra, básica, com corte na altura do queixo, levemente diagonal.

E confira também:

Confira os visuais desfilados na 20ª Montreal Fashion Week