Unhas decoradasA mulher brasileira é muito vaidosa e mundialmente conhecida por suas unhas lindas e bem feitas. Entretanto, esse detalhe, que serve para enaltecer a beleza e a vaidade feminina, pode acabar se tornando um pesadelo caso alguns cuidados não sejam tomados. Estamos falando de micoses e dermatoses causadas por bactérias e fungos que se alojam no equipamento utilizado para fazer as unhas.

Como boas manicures andam concorridas, dificilmente as profissionais possuem equipamento adequado e tempo livre para fazer uma esterilização adequada - que exige uma autoclave e pelo menos duas horas de aquecimento para ser 100% bem sucedida. Por isso, é normal que cada vez mais as mulheres levem seu próprio kit para fazer as unhas no salão. E a manicure não precisa se sentir incomodada por isso. Esta é uma forma eficiente de agilizar o trabalho e evitar que enfermidadesde uma unha doente contaminem uma unha sadia.

Mas mesmo que a cliente faça isso, a manicure não pode relaxar no cuidado com seu equipamento. Caso a cliente não traga o kit completo, a profissional deve lançar mão do seu material, que deve estar devidamente esterilizado e limpo. A dermatologista Solange Villagra faz um alerta especial sobre as pinças e os alicates usados para empurrar e tirar a cutícula, podem causar machucados pelo meio do caminho, podendo transmitir doenças perigosas.